Arma para bom pagador negociar reajuste do aluguel

29 de fevereiro 2012

Notícias | 0 Comentário(s)

ClipImobiliário

O Índice Geral de Preços — Mercado (IGP-M), principal indexador dos contratos de aluguel, sofreu deflação 0,06% em fevereiro. Apesar da baixa, a Associação dos Proprietários de Imóveis (Ademi) informa que o mercado locatário já acumula 40% de aumento em 2011 — o que dificulta a negociação de valores na renovação do contrato. Porém,bons pagadores devem brigar por reajustes mais suaves na continuidade do aluguel usando o IGP-M.

“Se o imóvel sofreu encarecimento de 80% em 2 anos, essa deflação não influencia diretamente. Mas se o inquilino é bom pagador e está sempre com as contas em dia, vale a pena iniciar o diálogo com o locatário por um reajuste mais brando”, orienta o vice-presidente da Ademi-RJ, Paulo Henrique Fabrianni.

Ainda assim, o mercado locatário vem sofrendo elevações consecutivas desde o ano passado. O IGP-M acumulado em 12 meses, com alta de 3,43%, segundo a Fundação Getúlio Vargas, não traduz essas elevações.

“O mercado residencial teve um acréscimo de 18 mil imóveis ano passado, mas ainda é pouco para atender ao grande número de pessoas que querem alugar”, explica o vice-presidente. Mas a geografia do mercado locatário pode mudar em alguns anos com a construção de novas rodovias.

“Com essas novas vias expressas, que ligarão regiões do Centro e Zona Oeste, a cidade vai mudar seu panorama de exigência por aluguéis nas Zonas Sul e Norte. As pessoas vão passar a ter mais ofertas”, adianta Fabrianni.

Fiador precisa estar atento quanto aos prazos do contrato e renovação

O desafio de encontrar um imóvel com um contrato de aluguel que se encaixe nas exigências do possível inquilino pode parecer difícil, mas outra grande luta é esbarrar em alguém que aceite ser o fiador. O presidente da ML Imóveis, Manoel Maia, alerta para as exigências de contrato.

“O fiador precisa seguir o contrato até o fim, sem encerrar participação. E tem de estar atento para a renovação do contrato, caso queira se desligar da fiança”, alerta Maia.

Caso o fiador se desligue do contrato ou faleça, o inquilino tem o prazo de 30 dias para adicionar outra pessoa como pagador da fiança. Caso contrário, o proprietário pode pedir ordem de despejo em 15 dias.

“Quem tem dificuldade em encontrar um bom fiador ou não se sente a vontade para indicar familiares, uma boa saída pode ser recorrer às seguradoras ou bancos que oferecem esse serviço”, aponta o presidente da ML Imóveis.

O reajuste do valor do aluguel também é uma armadilha. O fiador precisa estar atento às mudanças.

Em busca de bom contrato

A publicitária Thais Farias, de 25 anos, sofre há cinco meses para encontrar um imóvel dentro de suas exigências. A moradora do bairro Taquara quer ficar mais próxima de seu trabalho e amigos.

“Viver muito distante de locais que circulamos dificulta a rotina”, desabafa.

Com a ajuda do computador, Thais ainda não encontrou bons contratos de aluguel.

“Geralmente são caros e não apresentam boas condições para o inquilino. Acabo caindo em uma oferta ou outra, mas não no padrão que procuro”, relata.

DE LUPA

BUSCA — O futuro locatário está perto de ter menor dificuldade para achar imóvel que atenda as suas prioridades. Para o vice-presidente da Ademi-RJ, Paulo Fabrianni, o setor deve sofrer mudanças.:”Rodovias novas vão ajudar”.

3,45% — A inflação acumulada nos últimos 12 meses (3,43%) medida pelo IGP-M, que regula os reajustes de aluguel, serve apenas para contratos em andamento. Quem procura imóvel ou encerrou o contrato não conta com esse apoio

Nenhum comentário

Deixe o seu comentário!

7  +  1  =  

ML, SUA ADMINISTRADORA DE VERDADE!

CENTRO

Praça Olavo Bilac, 28 – Gr. 1608

(21) 3032-6400

ILHA DO GOVERNADOR

Estr. do Galeão, 994 – Gr. 220

(21) 3032-6400

SOLICITE UMA PROPOSTA