Crédito imobiliário ganhará fôlego com pacote anunciado por governo

21 de dezembro 2010

Notícias | Um Comentário

O pacote de incentivo ao financiamento de longo prazo, lançado na quarta-feira (15) pelo Ministério da Fazenda, não deixou de lado o crédito imobiliário, que pode ganhar novo fôlego diante da preocupação de escassez de recursos de suas principais fontes de financiamento: o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) e a poupança.

De acordo com o presidente do Secovi-SP (Sindicato da Habitação), João Crestana, o financiamento imobiliário hoje tem transcorrido bem usando a poupança e o FGTS. O problema é que estas fontes são finitas e a previsão é de que elas se tornem problemáticas por volta de 2013 e 2014. “Depois, será necessário um outro tipo de financiamento”, ressaltou.

O que a Fazenda fez, explicou, foi facilitar para que a securitização – ferramenta financeira usada para converter uma carteira de ativos em títulos mobiliários passíveis de negociação – seja uma dessas fontes de financiamento.

O que muda

Conforme explicou Crestana, hoje, 65% dos recursos da poupança devem ser destinados pelos bancos para o crédito imobiliário. No entanto, se eles vendem toda a carteira de crédito imobiliário para uma securitizadora, automaticamente passam a não cumprir essa exigibilidade e correm o risco de terem o percentual de 65% da poupança recolhido compulsoriamente pelo Banco Central, a um rendimento muito baixo.

Com a modificação feita pela Fazenda, depois de vendida a carteira de crédito para a securitizadora, o BC vai considerar como se o banco continuasse tendo os 65% da poupança aplicados, mas a instituição tem 36 meses para aplicar o percentual correto da poupança no crédito imobiliário.

No fim do primeiro mês, ele terá de aplicar 1/36 do valor que deveria estar no crédito imobiliário e assim sucessivamente até, depois de 36 meses, estar regular junto à esta exigência.

Esse mecanismo ajuda o crédito imobiliário trazendo dinheiro novo para ele. Isso porque o dinheiro que está sendo pago pela securitizadora para a compra da carteira, que pode vir de fundos de pensão e estrangeiros, por exemplo, está sendo aplicado na modalidade do financiamento habitacional aos poucos, 1/36 a cada mês.

“Isso não ajuda tanto hoje, mas em um prazo médio”, afirmou Crestana, tendo em vista o prazo de 36 meses para que todo o dinheiro pago pela carteira de crédito esteja alocado no financiamento habitacional.

Outras fontes

Além da securitização, existem outras fontes para impulsionar o mercado de crédito imobiliário no Brasil, mas que não são tão disseminadas, como as debêntures, as letras imobiliárias e também os covered bonds.

Nestes últimos, conforme explicou Crestana, no lugar do banco vender sua carteira de crédito para uma securitizadora, ele vende para si mesmo. “Ele emite um título coberto pela garantia dos créditos imobiliários que ele tem. No Brasil, isso não é costume, mas os bancos estão tentando regulamentar e existe uma expectativa de que se permita isso”, afirmou.

Fonte: Infomoney

1 Comentário

  • Steven disse:

    SamvitorMarch 9, 2011Dica: – A nova vers o do Google Maps vem com a op o de recalcular rota. Seria intasesrente agregar ao site. -Moro em Salvador. Ele n o reconhece estabelecimentos? Coloquei “Salvador Shopping” e ele me mandou pro outro lado da cidade. – Poderia haver um cadastro de usu rio para salvar seus endere os principais. Assim, sempre que eu logasse, eu poderia escolher um dos meus endere os principais para calcular origem e destino. Ex. Salvo o endere o do meu trabalho e da minha casa e de um barzinho que eu sempre vou. Sempre que eu quiser, eu posso saber o custo para o barzinho de onde quer que eu esteja. Ou saber quanto vai ficar ir pra qualquer lugar do meu trabalho ou da minha casa, dentre outras poss veis op es. A id ia sensacional. Se voc conseguisse integrar mais recursos como o Foursquare, por exemplo, tornaria ele mais amplo e intasesrente. Mas o que eu mais senti falta foi de uma vers o mobile. Um widget no seu celular integrado ao Gmaps (aproveitando o GPS do pr prio navegador do google), seria uma SENHORA M O NA RODA pra galera saber quanto que fica o custo do t xi de onde t , pra casa ou pra outro lugar. S o s umas sugest es visando a melhora do sistema. Mais uma vez, a id ia tima. Parab ns

Deixe o seu comentário!

  +  9  =  16

ML, SUA ADMINISTRADORA DE VERDADE!

CENTRO

Praça Olavo Bilac, 28 – Gr. 1608

(21) 3032-6400

ILHA DO GOVERNADOR

Estr. do Galeão, 994 – Gr. 220

(21) 3195-2553

SOLICITE UMA PROPOSTA