Vendas de material de construção avançam quase 20% no semestre

22 de julho 2010

Notícias | Um Comentário

O faturamento resultante da venda de materiais de construção no mercado interno no primeiro semestre deste ano cresceu 19,78%, em relação ao mesmo período de 2009, segundo dados divulgados nesta quinta-feira (22) pela Abramat (Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção).

Segundo a entidade, o número superou a média de crescimento prevista para 2010, na comparação com 2009, que era de 15%.

Somente no mês de junho, o faturamento apresentou alta de 16,34%, na comparação com o mesmo mês do ano passado. Já no confronto com maio, houve uma ligeira queda de 0,71%.

No acumulado dos últimos 12 meses, a expansão foi de 3,59%, ante o mesmo período do ano passado.

Materiais de base e acabamento

O faturamento com as vendas de materiais básicos avançou 21,10% no seis primeiros meses do ano, na comparação com o primeiro semestre de 2009. Em junho, também houve expansão (+17,50%) frente ao sexto mês do ano passado.

Na comparação com o mês de maio, porém, as vendas recuaram 2,33%. Já nos últimos 12 meses, foi registrado crescimento de 1,84%.

Quanto aos materiais de acabamento, o levantamento também apontou expansão, de 17,18% no semestre, em relação ao ano anterior. No sexto mês do ano, o faturamento registrou alta de 14,06% em relação ao mesmo período de 2009.

No confronto com o mês anterior, as vendas apresentaram crescimento de 2,72%. Nos últimos 12 meses, houve expansão de 7,29%.

Nível de emprego

Em relação ao nível de emprego na indústria de materiais de construção, o levantamento mostra que em junho houve avanço de 12,30%, em relação a junho de 2009. Na comparação com maio deste ano, houve expansão de 2,33%.

Na indústria de materiais básicos, o número de empregados em junho cresceu 14,47%, ante o mesmo período de 2009. Em relação a maio, houve alta de 2,64%.

Já na indústria de materiais de acabamento, o número de funcionários em junho avançou 8,11% em relação ao período de 2009. Na comparação com o mês anterior, houve crescimento de 1,71%.

Expectativa para os próximos meses

Para os próximos meses, as expectativas da Abramat apontam para a continuidade do crescimento, apoiadas na desoneração do IPI (Imposto Sobre Produtos Industrializados), no crescimento da oferta de crédito imobiliário, e nos avanços dos Programas Minha Casa Minha Vida e no PAC (Programa de Aceleração do Crescimento).

Fonte: InfoMoney

1 Comentário

  • Sebastian disse:

    Sim, eu do afonso, o proimge9nito, fartei-me de comprar roupa na jacadi (roupa e ate9 bonecos para enfeitar!). Depois aos poucos comecei a perceber o que valia e o que ne3o valia a pena.Agora apaixonei-me por uns te9nis que vi na Knot (le coq sportif, penso eu de que) mas 55 euros por algo que vai durar te3o pouco… Sim, je1 ne3o sou a mesma. por esta altura tinha, he1 9 anos atre1s, comprado uns adidas giredssimos para o afonso.Agora je1 ne3o sou a mesma. E a carteira tambe9m ne3o:)Acho que tambe9m vou dar um salto ao Jumbo!

Deixe o seu comentário!

5  +  3  =  

ML, SUA ADMINISTRADORA DE VERDADE!

CENTRO

Praça Olavo Bilac, 28 – Gr. 1608

(21) 3032-6400

ILHA DO GOVERNADOR

Estr. do Galeão, 994 – Gr. 220

(21) 3195-2553

SOLICITE UMA PROPOSTA